quinta-feira, 8 de fevereiro de 2018

FEBRE AMARELA: Cidade de Alagoas, distante 186 Km de Garanhuns, recebe alerta do Ministério da Saúde

 

A cidade de Delmiro Gouveia, distante 186Km de Garanhuns, está com atenção redobrada quando se trata do combate à febre amarela. O Município recebeu do Ministério da Saúde, na semana passada, a classificação ACRV, que é a sigla de Área com Recomendação de Vacina. Vizinha de Paulo Afonso, cidade baiana está numa região limítrofe com os estados de Pernambuco, Sergipe e Bahia.

Dentre as unidades federativas citadas, só Pernambuco ainda não recebeu tal classificação do Ministério da Saúde e é denominado, por enquanto, uma Área sem Recomendação da Vacina (ASRV). Em Sergipe, a cidade de Canindé de São Francisco, única ACRV daquele Estado, está localizada de 77Km de Delmiro Gouveia. Embora a febre amarela tenha causado pânico em diversos estados brasileiros, inclusive industrializados, como São Paulo e Rio de Janeiro, a Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) de Alagoas informa que a situação não é motivo de pânico.

Em nota enviada ao Jornal EXTRA, a pasta esclarece que não deve se vacinar alagoanos de outras cidades que irão viajar para Delmiro Gouveia, uma vez que Alagoas não é área endêmica para a febre amarela. A vacina se destina, exclusivamente, àqueles que são moradores de Delmiro e irão migrar a trabalho e/ou passeio para alguma cidade da Bahia, que faz limite com o Município ou para outro estado onda ocorra circulação do vírus.

Segundo o secretário de Saúde de Delmiro Gouveia, André Ramalho, a vacinação no município está acontecendo de acordo com a necessidade. “O anúncio do Ministério da Saúde é uma medida de prevenção devido à proximidade com a cidade de Paulo Afonso. A situação está sob controle e sem filas nos postos de saúde. Temos dado prioridade àqueles que precisam viajar. Graças a Deus não fizeram alarde para não deixar a população nervosa. Começamos a vacinação na semana passada. Cada ampola aberta serve para dez pessoas”, explicou. A cidade tem aproximadamente 53 mil habitantes, conforme dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), de 2017. 

GARANHUNS – Apesar de certa proximidade de Garanhuns com o município alagoano de Delmiro Gouveia, de acordo com a Secretária de Saúde de Garanhuns, Nilva Mendes, não há motivo para preocupação por parte da população. Segundo Ela, Garanhuns já está em Vigilância, através das equipes da Vigilância em Saúde e da Atenção Básica, monitorando qualquer situação semelhante a casos de Febre Amarela.

Ainda de acordo com Nilva Mendes, o Município segue adotando os protocolos estabelecidos pelo Ministério da Saúde com relação ao uso da vacina e, que, neste momento, estão sendo vacinados somente as pessoas que vão viajar para áreas de risco. Ainda segundo a Secretária de Saúde, Nilva Mendes, Pernambuco não tem confirmação de doentes por Febre Amarela, apenas supostos casos em investigação. (Com informações do Jornal Extra. CONFIRA)